Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Café Poesia

Um pouco de poesia com cheirinho a café

O Teatro - Duas Visões, Um Só Momento (Parte I)

Ilustração de S. Jamal

 

Visão do Público

 

O pó no chão não esconde os anos que se encontrara fechado,

O teatro em ruínas pela guarda selado.

“Foi crime passional”, contaram os mirones atrevidos

Que encontraram a moça no chão sem sentidos!

 

Há anos que a peça se ensaiava,

E no dia que estriava,

Contam os jornais que morreu,

A mais bela actriz que o mundo outrora conheceu.

 

Reabrem as portas que cem anos se encontraram fechadas,

Do teatro em ruínas pela guarda selado.

Reabrindo com o conto cem anos guardado,

Que se julga, pelo incidente, estar a amaldiçoado.

 

Finalmente, as luzes apagam-se e ergue-se o pano imundo.

O fervente sangue rodopia em círculos,

Daquele que aguarda com nervosismo a entrada:

O actor, e neto da actriz degolada!

 

Todos se levantam quando o jovem actor entra.

Palmas para o artista! Palmas!”

 

(amanhã continua)

 

ano: 2010

Café Poesia 500px.png

Ilustração de Sophie Griotto

Segue a Mula aqui

Direitos de Autor

Copyrighted.com Registered & Protected 
YUIK-NKGX-ZMZZ-SSI9

Todos os textos constantes neste blog são originais e constituem propriedade intelectual de quem os escreve, sendo que todas as referências a outros autores serão devidamente identificadas. Reprodução dos textos constantes neste blog, apenas mediante citação da fonte e do autor. Em caso de plágio, medidas serão tomadas, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 36/2003, de 5 de Março. Para alguma dúvida ou informação é favor contactar-me: E-mail: desabafosdamula@hotmail.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Exclusivo Mula

Gestão do Blog

Pesquisar

 

Estatísticas

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D